As vezes em conversas, até mesmo com pessoas que já namoram a algum tempo, sou surpreendido com algumas frases do tipo:
“- Poxa namorar a distância deve ser complicado.”
“- Vocês são demais! Namoram a tanto tempo e ainda por cima, tão distantes.”
Pois é. Mentiríamos se disséssemos que é fácil. Não é. Muito que pelo contrário. Imagina quando você precisa de colo? Inventar uma maneira de dar colo por celular, sms, facebook, etc. Complica. No início é mais complicado ainda, pela questão da confiança. Mas como fazer?
Não há receita de bolo. Se tenho que citar alguma coisa que aprendi nesse relacionamento é que receitas são problemáticas, as pessoas mudam, o sentimento muda, a forma de se levar as coisas também.
Primordial é ter confiança, e com o tempo, formamos o companheirismo. Quem nos conhece sabe que evitamos falar a fundo de alguns assuntos, mas e daí? Cada um tem que achar o jeito que melhor lhe cabe para levar a vida não?
Mas com certeza não é segredo nenhum que é necessário muito amor, DR (DR boa, tá? Aquela que ajuda a construir), companheirismo e lealdade.
Por vezes sei que tem gente que pasma com 6 anos de relacionamento, mas como já dissemos em posts anteriores... Apesar de estarmos na era dos descartáveis, preferimos tentar consertar o que se quebra, do que trocar por algo novo.
Desejamos a todos que acompanham nosso blog uma ótima semana, e que continuem conosco nessa jornada.
E que levem consigo uma das melhores dicas, dadas pelo Louco (Carpinejar), não desista, se entregue completamente, lute, grite, chore, ouça, beije, cheire, reinvente, se necessário todos os dias, o amor.

Um forte abraço do noivo marmota.

0 comentários:

Postar um comentário



 
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT 2015